Menopausa, um bicho de sete cabeças?

September 11, 2017

Durante a menopausa ocorrem um conjunto de mudanças psicológicas e físicas e a pele não é exceção! A diminuição dos estrogénios que caracteriza esta fase da vida das mulheres faz com que a pele fique mais frágil, perca elasticidade e se torne mais sensível. Os baixos níveis de estrogénio originam a diminuição do colagénio, que assegura a firmeza cutânea, e verifica-se uma perda de hidratação natural. A secreção sebácea também diminui e o conjunto destes factores conduz a uma pele mais seca e ao aparecimento e acentuação de rugas.

Contudo, a inevitabilidade das alterações hormonais não é sinónimo de não haver nada a fazer! É essencial que as mulheres nesta fase mantenham um ritual de beleza bidiário (manhã e noite) que inclua a limpeza, hidratação e a imprescindível proteção solar, uma vez que a radiação ultravioleta é a principal causa do envelhecimento cutâneo. Além dos cuidados com dermocosméticos com propriedades antioxidantes, que estimulem a produção de colágenio e tenham um poder nutritivo, existem vários procedimentos estéticos que ajudam a devolver o tónus e luminosidade da pele, melhorando o seu aspeto visual. A utilização de preenchimentos com ácido hialurónico, peelings químicos, toxina botulínica, laserterapia, são exemplos de procedimentos que pode realizar com o intuito de travar o aparecimento das alterações cutâneas anteriormente descritas.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload